4/30 – Liste 10 coisas que gostaria de dizer para você mesma, aos 16 anos, se você pudesse.

Olá, meninas…

Vamos voltar a nossa programação normal, mas antes deixa eu parabenizar a Marayza pelo positivo dela. Toda felicidade do mundo pra vcs =D

Agora sim, o quarto item do “Desafio” que são 10 coisas que eu diria pra mim aos 16 anos, na verdade eu nunca pensei sobre isso… E fazem exatamente 16 anos q eu tinha 16 anos, isso foi em 1997 e eu estava no primeiro ano do Colegial (hoje ensino médio) e já estava com meu segundo namorado.

1 – Termine com esse namorado, ele não vale o chão que pisa.

2 – Estude um pouquinho mais de química e física para o vestibular.

3 – Ao contrário do que você pensa, seu futuro marido será mais baixo e mais novo que você.

4 – Cuidado com as amizades, as pessoas realmente não são o que parecem.

5 – As coisas não vão sair exatamente como você planejou, mas darão certo do mesmo jeito, relaxe.

6 – Estudar inglês faz diferença SIM, se aplique um pouco mais.

7 – Seja menos dramática *kkkkkk*

8 – Melhore sua alimentação, isso fará diferença num futuro não muito distante.

9 – Se aproxime mais dos seus irmãos, eles são legais.

10 – Confie mais em você mesma.

Confesso que esse foi bem difícil, to a quase uma semana com o desafio em andamento pra conseguir chegar nas 10 dicas. *kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk*

Beijocas

Anúncios

3/30 – Descreva sua relação com o pai de seu filho.

Olá, meninas

Hoje o sol brilha lindamente em Santos e eu to morrendo de cólica, ou seja, nada de bebê esse mês… Mas também a viagem ao Rio e talz foi bem na época do período fértil, esperaremos o próximo mês.

Vamos ao Desafio?

O de hoje (como vocês podem ver no título) é sobre o pai do meu(s) futuro(s) filho(s).

Nós nos conhecemos em 2005 quando ele iniciou a o curso de TI na mesma Universidade onde eu cursava o segundo ano de Administração, na época tínhamos o mesmo coordenador e o mesmo pediu a mim e a 3 amigas (que faziam parte do Diretório Acadêmico junto comigo) para recepcionar a galera de TI, pois o curso era “novo” (ficou uns 2 anos sem turma) e eles não tinham veteranos.

Fizemos isso e acabamos desenvolvendo uma amizade legal com os meninos de TI. Essa amizade foi se estreitando entre eu, ele e uma outra amiga. Trocávamos emails todos os dias (nós 3), na época eu era noiva e ele namorava a uma moça a um tempo. No meio da facu eu “troquei” de namorado e ele continuou com a moça.

Sempre senti uma “coisinha a mais” por ele, achava bonitinho e a gente brincava que dele devia ter pegada boa ser um bom namorado, pois era muito tranquilo, carinhoso e bonzinho, mas eu namorava e ele também e acabamos focando na amizade.

Formamos, paramos de nos ver todos os dias, mas continuamos a troca diária de emails.

Até que um dia, 8 meses após a formatura, estávamos eu e ele solteiros numa festa e acabou rolando um beijo, depois de muita conversa e uns copos de Vodca (da minha parte, ele não bebe), mas prometemos nunca deixar nada abalar nossa amizade, era só uma curiosidade!

Fomos ficando, ficando, ficando, terminamos… Ele namorou uma outra moça e eu sofri. Sofri mesmo, de verdade, igual a romance que tudo dá errado antes de dar certo. Tive gastrite nervosa, emagreci e ele terminou e voltamos.

Um ano depois de voltarmos, estávamos de casamento marcado, igreja fechada, festa escolhida, noivado com a família .. Hoje estamos juntos a 4 anos e 1 mês e completaremos 2 anos de casados em Maio.

Blog

Essa é a nossa história um pouco resumida, confesso….

A nossa relação sempre foi muito boa, brigamos sim, discutimos, nos desentendemos, mas sempre conseguimos chegar num “ganha-ganha”, como eu imaginava ele se mostrou realmente um ótimo namorado e está se saindo muito bem no cargo de marido *kkkkkkkkkkk*

Ele é sempre super carinhoso, dedicado, cuidadoso e super romântico… E tenho certeza que será um ótimo pai, ele tem adoração por crianças e está se preparando junto comigo pra essa nova etapa. Lê as coisas que eu mando sobre parto natural, amamentação prolongada, pais ativos, educação e essas coisas que as loucas tentantes que a gente pesquisa por aí.

Bom, acho que é isso…. Temos uma relação muito boa e essa é a nossa história!!!!

Te amo muito Mô!!!! (eu sei que ele não vai ver, mas fica registrado assim mesmo….)

Beijocas Meninas e até a próxima.

2/30 – Descreva 3 medos reais que você tenha e explique como se tornaram medos.

Olá, pessoas…

Depois do relato da viagem ontem, voltamos com a programação normal do Blog.

Esse mês eu e o marido namoramos muito, mas pelo app do celular o período fértil seria na sema após carnaval, ou seja, enquanto eu estava viajando e com visita em casa, sou seja, novas tentativas somente em Março. 

Vamos ao Desafio?

Listar 3 medos reais e explicar, vamos lá:

1 – Morro de medo de filmes de terror – Não sei como começou, mas é um medo real (pode ser bobo, mas é real). Se eu vejo filmes desse tipo tenho pesadelos, fico noites sem dormir.

2 – Ficar presa em banheiros – Também não sei de onde veio isso, mas sempre que vou a qualquer banheiro que não seja na minha casa eu levo o celular e dificilmente uso banheiro de cinema. Quando a sala é dentro do shopping saio e uso o do shopping, dificilmente o do cinema.

3 – Ser mãe – Eu sempre quis estar grávida e ter filho(s), mas eu realmente tenho medo de me tornar mãe, de educar, de aprender a falar não, a impor limites… Acho que esse será um dos maiores desafios da minha vida.

Além desses, claro que tenho outros medos, mas eles são os comuns da maioria das pessoas.

Espero que curtam e volto logo com o próximo.

Beijocas

1/30 Liste 20 coisas aleatórias sobre você

Olá, meninas!!!

Bora começar com o “Desafio”? 

O primeiro é listar 20 coisas aleatórias sobre mim…

  1. Sou casada com m eu melhor amigo
  2. Tenho muitos amigos virtuais
  3. Sou viciada em ficção, seja científica ou de fantasia e em romances. Tanto livros, quanto filmes.
  4. Adoro viajar, mas ainda fiz isso bem pouco.
  5. Gosto muito de cozinhar e de preferência pra mta gente
  6. Sou bagunceira e desorganizada
  7. Odeio serviços de casa (passar, arrumar)
  8. Tento sempre ser justa
  9. Sou péssima em fazer dieta
  10. Gosto muito de academia, mas morro de preguiça de ir
  11. Meus melhores amigos moram realmente longe de mim
  12. Sou muito ciumenta e territorialista
  13. Leio romances de banca pra passar o tempo.
  14. Adoro aprender sobre novas culturas
  15. Queria ser arqueóloga por causa do Indiana Jonas
  16. Ainda vou realizar o sonho de estudar história.
  17. Gostaria muito de mudar de estado, apesar de realmente adorar a cidade onde moro.
  18. Gosto de quase qualquer tipo de música.
  19. Não gosto de carnaval, mas adoro os desfiles das Escolas de Samba
  20. Me arrependo de pouquíssimas coisas que fiz.

É isso meninas!!!!

Espero que curtam…

Beijos

30 coisas que meus filhos devem saber sobre mim

Olá, pessoas…

Agora vai… 

Inspirada pela Carol do Meu Parasita querido, por ter achado o tema interessante, vou aderir a listinha… Não sei qdo começo e nem com que frequência postarei, mas até o bebê (que ainda está em fase de tentativas) aparecer acho que completarei o “desafio”

Quem sabe não começo amanhã?! Ah, a lista vai ser intercalada com posts comuns, bele?

1 – Liste 20 coisas aleatórias sobre você
2 – Descreva 3 medos reais que você tenha e explique como se tornaram medos.
3 – Descreva sua relação com o pai de seu filho.
4 – Liste 10 coisas que gostaria de dizer para você mesma, aos 16 anos, se você pudesse.
5 – Quais são as cinco coisas que fazem você mais feliz nesse momento?
6 – Se você tivesse direito a três pedidos, quais seriam?
7 – Qual seria seu trabalho dos sonhos e por que?
8 – Liste cinco paixões que você tem.
9 – Liste 10 pessoas (ou menos) que influenciaram você e descreva como.
10 – Descreva o seu momento mais embaraçoso.
11 – Descreva 10 coisas que irritam você.
12 – Descreva um dia normal em sua vida.
13- Qual é a parte mais difícil em crescer?
14 – Descreva 5 fraquezas e 5 forças que você tem.
15 – Descreva como você conheceu seu marido/pai de seu filho/namorado (enfim) e como ou porque se apaixonou por ele.
16 – Quais são suas 5 maiores conquistas?
17 – No que você gostaria de ser bom?
18 – Qual foi a experiência mais difícil pela qual você passou?
19 – Como você se sentiu ao se tornar mãe/pai?
20 – Descreva 3 memórias significantes da sua infância.
21 – Descreva sua relação com seus pais
22 – Como você se vê em 5 anos? Em 10? Em 15?
23 – Liste 5 hobbies e por que você os ama.
24 – Qual é a coisa favorita e a menos favorita em ser mãe/pai?
25 – Descreva as diferenças entre a sua criação/educação e a que você proporciona a seus filhos.
26 – O que você acha que há de mais errado no mundo, em como as pessoas vivem e pensam?
27 – Se você pudesse escolher um lugar para viver, qual seria e por que?
28 – Como você acha que é visto pelas pessoas?
29 – Quais são suas esperanças e seus desejos para o futuro?
30 – Liste 10 coisas pelas quais você gostaria de ser lembrado.

E aí, que mais topa participar?

Beijocas